BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

terça-feira, 24 de abril de 2012

MOBILIZAÇÃO DOS BOMBEIROS E DOS POLICIAIS MILITARES, HORA DE CENTRAR NAS REINTEGRAÇÕES


Prezados leitores, bom dia!
Penso que devemos centrar as nossas ações na busca da reintegração dos BMs e dos PMs que foram excluídos ou licenciados, em razão de participarem da luta por melhores salários. Não devemos desviar desse foco no momento, isso precisa ser a prioridade de todos nós, diante das enormes dificuldades que nossos irmãos de farda vivenciarão após o corte de seus salários, o que deve ocorrer já com relação ao pagamento do mês de maio. Temo que ações que não sejam direcionadas diretamente para esse objetivo, acabem prejudicando qualquer negociação com o governo, isso para a concretização da anistia administrativa, conforme projeto apresentado na ALERJ.
Eu sei que os PMs e os BMs demitidos poderão conseguir a reintegração através de procedimentos junto ao poder judiciário, mas isso demora muito, anos algumas vezes. Além dessa verdade, alguns deles poderão não obter resultado positivo, pois cada caso é um caso. O sucesso ou o fracasso depende não só da boa atuação dos advogados, mas depende do que cada um fez no curso da mobilização salarial. Portanto, a anistia é a única garantia de todos e todas serem beneficiados.
Temo que alguns estejam desistindo da anistia, diante dos boatos que estão surgindo aqui e ali no tocante às dificuldades que teriam surgido para colocação do projeto em votação e na direção de que o governo só aceitaria a anistia dos PMs, considerando que os BMs já teriam sido anistiados, isso no ano passado. Não podemos deixar nos levar por boatos, eles são maus conselheiros e poderão colocar por terra os esforços para a anistia.
A tendência dos que por ventura desistirem da anistia é investir as suas esperanças nas eleições de 2012, quer seja investindo na própria candidatura ou na candidatura de quem possa abrigá-los no gabinete.  Isso é natural, como também que a candidatura ocorra em um partido de oposição ao governo estadual, pois são esses partidos que estão apoiando os BMs e os PMs. O perigo para a anistia reside exatamente nessa conjuntura, tendo em vista que atuando nesses partidos as ações políticas serão de críticas ao governo, o que sepultará a anistia por completo.
Peço que pensem a respeito, considerando que existe o indicativo para um ato público a ser realizado no dia 20 MAI 12.
Juntos Somos Fortes!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. O conteúdo dos comentários são de sua responsabilidade.