Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

terça-feira, 18 de setembro de 2012

O RIO DAS UPPs E A INSEGURANÇA PÚBLICA

Prezados leitores, bom dia!
Não esqueçam que os artigos estão sendo postados no blog da candidatura (Link).
 
 
O GLOBO:
1) Menina de 11 anos é baleada na Vila Cruzeiro, na Penha
Segundo comandante da UPP do Parque Proletário, policiais não fizeram nenhum disparo (Leia mais).
 2) Pediatra é morta com dois tiros na Penha
De carro, médica foi abordada por homens armados depois de deixar o plantão no Hospital Getúlio Vargas (Leia mais).
As atribuições dos vereadores são limitadas, isto é um fato, mas o que aumenta sobremaneira a pouca participação deles na vida da cidade é a própria postura. Ao optarem pelo enclausuramento na Câmara dos Vereadores e pela presença apenas nos seus redutos eleitorais, passam a imagem de que pouco ou quase nada podem realizar para mudar a realidade social, o que não é verdade. Um vereador que participa da vida da cidade, que atua nas ruas compartilhando com a população os seus anseios, muito pode produzir.
Na área da segurança pública, por exemplo, não percebemos qualquer ação dos nossos representantes, que calados assistem a uma gestão que está agigantando a Polícia Militar, desqualificando, desvalorizando e desmotivando os Policiais Militares, eles que são os responsáveis pela promoção da segurança pública.
A insegurança pública está nas comunidades assistidas por UPPs, ela está por todos os lados e os vereadores devem estar nas ruas.
Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

POLÍCIA MILITAR - PROEIS - RAS - ATRASO

Leiam este e outros artigos no blog: http://coronelpaul25190.blogspot.com


O nosso blog continua recebendo reclamações de Policiais Militares dando conta do grande atraso no  pagamento dos serviços extras remunerados desempenhados no PROEIS e no RAS. Segundo os comunicantes os serviços prestados em junho ainda não foram totalmente pagos e ninguém recebeu nada com relação aos serviços de julho.
Tal realidade pode colocar em risco os próprios programas, pois sendo voluntária a participação, o atraso pode fazer com que os PMs desistam.
O que causa estranheza é o silêncio da ALERJ, órgão que tem o dever de fiscalizar o poder executivo, sobre o tema. Salvo melhor juízo, ainda não ouvi pronunciamento de deputado sobre este injustificável atraso.
Aliás, cabe lembrar que a Câmara de Vereadores também tem o dever de cobrar o fim dos atrasos no pagamento da gratificação dos PMs que trabalham nas UPPs, pois ela é paga pela prefeitura.
Se for eleito terei na fiscalização do executivo uma missão a ser cumprida com toda tenacidade.
Enquanto o legislativo não fiscaliza e não cobra do executivo, quem paga a conta são os Policiais Militares.
Juntos Somos Fortes!

sábado, 8 de setembro de 2012

ATENÇÃO - BLOG DA CANDIDATURA - NOVOS ARTIGOS

 
 
Bom dia, prezados leitores!
Leiam no blog da candidatura os novos artigos sobre os serviços extras na Polícia Militar, os remunerados (PROEIS e RAS) e os não remunerados; o fim dos extras não remunerados; o "combate" ao jogo dos bichos no período eleitoral; a minha postura no dia seguinte às eleições; entre outros temas.
Acessem o blog (Link), leiam, comentem e divulguem.
Juntos Somos Fortes!

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

POLICIAL MILITAR - GUARDA MUNICIPAL - ATENÇÃO

Jornal do Brasil

No blog da candidatura eu postei dois artigos importantes para os Guardas Municipais e para os Policiais Militares do Rio de Janeiro.
Tratei da terceirização do trânsito, do RAS, do PROEIS e da continuidade do serviço extra obrigatório e não remunerado na PMERJ, algo absurdo.
Leiam, comentem e divulguem.
Acessem o blog (Link).
Juntos Somos Fortes!

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

ATENÇÃO, LEITORES!

 

Peço que leiam os próximos artigos diretamente no blog da nossa candidatura:
CORONEL PAÚL NELLES! 25190 (Link).
Muito obrigado!
Juntos Somos Fortes!

POLICIAIS MILITARES - ATENÇÃO - PAÚL NELLES! 25190


Coronel PM Paúl - 30 AGO 2009
Organizador e patrocinador do primeiro ato
em defesa da PEC 300 no Rio


Prezados Policiais Militares, ativos e inativos, peço que não deixe de ler e de divulgar, o artigo em que trato da necessidade de ter um mandato político para continuar lutando (Link) pela PM e pelos PMs. No artigo deixo claro meu posicionamento a partir do dia seguinte à realização das eleições, caso não seja eleito. Publiquei o artigo porque gosto de clareza, sempre investi na transparência, dando publicidade nos meus blogs de todos os atos e de todas as minhas opiniões.
Infelizmente, nós, Policiais Militares, repetimos o erro das eleições anteriores e não escolhemos previamente os nossos candidatos, o que resultou em um grande número de candidatos, dividindo os votos e enfraquecendo todos os candidatos.
Urge que a Polícia Militar eleja pelos menos um candidato na Capital e tantos quanto forem possíveis nos demais municípios, o que significa que os PMs precisam concentrar sua votação.
Respeitando todos os candidatos PMs da Capital, quem fizer uma comparação das lutas dos candidatos, optará pela nossa candidatura, isso é um fato. Quem duvidar que faça a comparação, a diferença é de clareza solar.
Além da luta pretérita, temos que avaliar também a postura de enfrentamento ao governo que nos oprime, pois de nada adiantará eleger um candidato que passará o mandato sentado no seu gabinete na Câmara dos Vereadores. O nosso representante precisa ir para as ruas com a sua equipe e promover os atos públicos que tanto incomodam os maus governantes. Neste aspecto, a comparação também é amplamente favorável a mim.
O nosso candidato precisa ter visibilidade fora da Polícia Militar, pois são precisos milhares de votos. Novamente, levo vantagem, sou praticamente o único com visibilidade fora da PMERJ.
Por derradeiro, nos meus mais de trinta anos de Polícia Militar não deixei qualquer dúvida sobre a minha competência, honestidade e amor corporativo, portanto, posso ser um digno representante.
Policial Militar é hora de votar em Policial Militar.
Na Capital é hora de concentrar votos em um dos candidatos.
É hora de comparar os candidatos e escolher.
Policial Militar é hora de votar Coronel PAÚL NELLES! 25190
A certeza de que a partir do dia seguinte às eleições teremos atos públicos nas ruas em defesa do funcionalismo público, sendo o primeiro cobrando a ANISTIA dos Policiais Militares e dos Bombeiros MIlitares.
Juntos Somos Fortes! 

CORONEL PAÚL COMPROVA LUTA E DÁ SEGURANÇA AOS SEUS ELEITORES


Coronel PM Paúl
Ex-Corregedor Interno


O Supremo Tribunal Federal segue julgando o mensalão e as condenações renovam a esperança na construção de uma nova política no Brasil, algo que parecia impossível, mas que ganhou uma sobrevida.
As mudanças políticas precisam passar por nós, eleitores, que temos que escolher os nossos candidatos, avaliando a sua conduta pretérita. Votar em alguém completamente desconhecido é um passo no escuro que pode levar a nossa queda.
Eu tive a preocupação de apresentar tal possibilidade a todos que acessam este blog, fiz um resumo da minha luta nas ruas do Rio de Janeiro (2007-2008) e disponibilizei os links na parte superior do blog:
"ANTES DE VOTAR, CONHEÇA A NOSSA LUTA! - Eu tive o cuidado de fazer um resumo sobre a nossa luta nos últimos seis anos (2007-2012) em prol dos Policiais Militares, dos Bombeiros Militares, dos Policiais Civis e do funcionalismo público em geral. Tenho certeza de que valorizando e qualificando o funcionalismo, a população receberá serviços públicos de melhor qualidade. Acesse o link e poderá comprovar as diferentes fases da luta nos nossos milhares de artigos e nas centenas de vídeos e fotografias (Link)".
Penso que a transparência do candidato é a principal ferramenta para a melhor análise por parte dos eleitores. Quem consegue provar que lutou pelo interesse público antes de ser candidato permite ao seu eleitor votar com maior confiança que ele não o decepcionará.
A propaganda eleitoral televisiva destina a maioria dos candidatos poucos segundos, os quais só permitem as fáceis promessas, não permite que o eleitor conheça os candidatos. Comapre um com o outro. Portanto, disponibilizar meios para que o eleitor possa nos conhecer, deve ser uma preocupação dos candidatos, isso dos que possuem algo para mostrar, obviamente.
Temos que construir uma nova política, caso contrário continuaremos a vivenciar:
O Globo.
- Polícia prende prefeito de Guapimirim e candidata à prefeitura (Link).
-Prefeito e secretário de Saúde de São Francisco de Itabapoana são presos por suspeita de corrupção (Link).
Juntos Somos Fortes!

terça-feira, 4 de setembro de 2012

MANIFESTO PÚBLICO DE APOIO À CANDIDATURA DO CORONEL PAÚL

EMAIL RECEBIDO:

Abaixo-assinado As Cinco Razões pelas quais votaremos Coronel Paúl - 25190
 
 
PRIMEIRA: POR SEU DESTEMOR
O Cel Paúl foi um dos primeiros oficiais a organizar o movimento de apoio ao Comando Geral, para a defesa de reivindicações da tropa, notadamente quanto à melhoria de condições de trabalho e de remuneração justa, acendendo a campanha por dignidade profissional de policiais militares, que acabou por despertar anseios idênticos de bombeiros militares (depois chamados “vândalos” pelo Governador). As pesadas consequências seriam até bem previsíveis, resultantes da intolerância político-partidária do governo, já antes externada em relação a professores (chamados de “preguiçosos”) e a médicos estaduais (chamados de “vagabundos”). Mas ele nunca temeu.

SEGUNDA: POR SUA PERSEVERANÇA
O Cel Paúl foi exonerado de seu cargo de Corregedor Interno (perdendo alta gratificação); colocado à disposição da DGP sem função, teve reduzida em dois anos sua permanência na ativa (por casuística alteração do Estatuto); preso disciplinarmente, de forma arbitrária, sem nota de culpa; depois, falsamente acusado de incentivador de greve, também foi recolhido à penitenciária Bangu 1, de forma ilegal e injusta, tendo sido ,deturpada a ordem judicial; e, ainda, está ameaçado de expulsão, submetido a Conselho de Justificação e a IPM. Mas ele nunca se deteve.

TERCEIRA: POR SUA INTEGRIDADE MORAL
O Cel Paúl, criado no seio de família honrada, cujo pai foi professor, perseguido pelo governo militar nos chamados anos de chumbo, forjou seu escopo moral em bases sólidas, mantendo em toda a sua vida profissional supremos valores éticos e morais, apesar de ter observado em contrário tantos exemplos interna corporis e mesmo na política nacional. Mas ele nunca se modificou.

QUARTA: POR SEU CONTEÚDO IDEOLÓGICO
O Cel Paúl sempre demonstrou, em toda sua trajetória na Polícia Militar, ser possuidor dos princípios de lealdade e de amor corporativo, convicto da nobre missão social precípua à instituição. Ao longo de sua luta, após as inominadas perseguições de que foi vítima, sempre demonstrou claramente que seu conteúdo ideológico, acima dos valores corporativos que possui, será sempre de natureza democrática, malgrado seus perseguidores atuarem com claro sentimento absolutista e despótico, inclusive com flagrante desrespeito a normas constitucionais e prerrogativas legais. Mas ele nunca se curvou.

QUINTA: POR UMA TRIBUNA DEMOCRÁTICA
Tamanha luta carece de eficaz tribuna política. E não pode haver melhor forma que a democrática. Engana-se quem pensar que o vereador nada pode fazer nas questões estaduais. Além de contribuir pela melhoria de serviços essenciais (segurança, saúde, educação públicas), a tribuna da vereança, outorgando a representatividade para o discurso político, poderá propiciar também maiores recursos para campanhas posteriores. Ninguém se iluda de que a luta não será cada vez mais intensa. Os inimigos do Cel Paúl – que, de fato, se confundem com os inimigos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, vale dizer, do funcionalismo público – querem desfeitear sua candidatura destemida e guerreira. Porque a temem, em todos os sentidos. O momento é de decisão: bradar contra esse processo de menosprezo aos servidores públicos, estaduais ou municipais. Esta é a verdadeira ideologia em questão. A razão maior dessa candidatura. A escolha estará na consciência de cada eleitor. Mas ele, por certo, nunca trairá o seu voto.

PAÚL NELES ! E NA CABEÇA ! 25.190
Os signatários  
 
Agradeço aos idealizadores do manisfesto.
Assinem o manifesto acessando: http://www.peticaopublica.com.br/?pi=paul
ATENÇÃO: Lembro que os novos artigos estão sendo postados no blog da candidatura: http://coronelpaul25190.blogspot.com
Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

NOVOS ARTIGOS - ESCLARECIMENTOS


Prezados leitores, bom dia!
Reitero que a partir desta data até o dia das eleições, os nossos novos artigos serão postados no blog da candidatura (Clique e acesse).
Juntos Somos Fortes!

domingo, 2 de setembro de 2012

CORONEL PAÚL - NOVOS ARTIGOS - ESCLARECIMENTOS

Coronel Paúl - 27 de janeiro de 2008
Entrevista coletiva após a marcha dos 2.000 PMs e BMs
 
Peço a todos e a todas que não deixem de ler o artigo no qual presto esclarecimentos sobre a minha candidatura ao cargo de vereador pelo município do Rio de Janeiro e onde informo sobre o meu posicionamento após a divulgação do resultado do pleito eleitoral (Link).
Aproveito para informar que os nossos próximos artigos serão publicados no blog relativo à candidatura (Link), isso neste último mês da campanha. Esclareço que o blog em questão também permite comentários.
Certo da compreensão, agradeço a todos e a todas que estão ombreando conosco nesta nova luta e informo que aqueles que desejarem material para divulgação basta enviar o endereço para o email: pauloricardopaul@gmail.com 
Juntos Somos Fortes!

POLÍCIA MILITAR - RAS - ATRASO - EFEITO



Prezados leitores, bom dia!
Nas conversas que tenho mantido com PMs, eles continuam informando que ainda não receberam qualquer pagamento referente aos serviços extras remunerados do RAS. Dizem que recentemente receberam o pagamento do extra relativo ao PROEIS, correspondente ao trabalho na Rio +20 e que incidiram descontos da ordem de 20%.
Segundo os PMs, o atraso no pagamento estaria produzindo um efeito ruim para o programa RAS, pois o número de voluntários estaria diminuindo.
O efeito era esperado, quem trabalha, deve receber. Além disso, os PMs aumentam consideravelmente as suas despesas (deslocamento e alimentação, por exemplo) para atuarem nos serviços extras. Tal realidade tem feito que o RAS signifique até o momento um aumento de custos para os PMs e não de receita, como era pretendido.
Juntos Somos Fortes!

sábado, 1 de setembro de 2012

CORONEL PAÚL - IMPORTANTES ESCLARECIMENTOS

 
Ao longo da minha luta (2007-2012) tenho tentado ser o mais transparente possível no que diz respeito aos meus pensamentos e as minhas ações, usando os meus blogs e as redes sociais para divulgá-los. Isso se impõe não só pelo meu modo de ser, mas também pelo fato de ser Coronel PM e de ombrear com Oficiais e Praças da PMERJ e do CBMERJ, nos atos que temos realizado nas ruas do Rio de Janeiro. Tal realidade determina que não posso deixar qualquer dúvida quanto aos meus posicionamentos, tenho que clarificá-los ao máximo, pois não posso sinalizar na direção errada, sou Coronel, ocupo o último posto da carreira, não posso me dar ao luxo de bravatas.

Prezados leitores e leitoras, a verdade contida no parágrafo anterior determinou que decidisse pela publicação deste artigo, o qual é especialmente dirigido aos Policiais Militares ativos e inativos, embora contenha esclarecimentos que interessam a todos que nos acompanham nestes anos.

Os meus amigos mais próximos sabem que eu resolvi concorrer nas presentes eleições no derradeiro momento, a decisão foi pensada e repensada, inclusive porque eu tinha convicção de que repetiríamos o erro de sempre na Polícia Militar, ou seja, uma quantidade enorme de candidatos, o que acaba impedindo a eleição de um representante. A nossa autofagia institucional e a vaidade de cada um, principalmente, acabam destruindo qualquer sonho de elegermos mais representantes na política fluminense, pois já temos Oficiais e Praças na ALERJ.

E por que eu decidi me candidatar?

Simples, para continuar lutando como infante, lutando na primeira linha de combate, cara a cara com o inimigo, apesar de todos os ferimentos que já me impuseram.

Neste período (2007-2012), eu fui exonerado e cortaram dois anos da minha carreira, tendo sido inativado precoce e compulsoriamente, isso aos cinquenta e um anos de idade. A exoneração e a inatividade trouxeram consigo um enorme prejuízo financeiro, o que não aconteceria se ficasse sentado na minha cadeira de Corregedor Interno da PMERJ, aliás, se fosse omisso, nenhum dos males me teria alcançado. Como não desisti da luta, seguindo como infante, várias vezes lutando sozinho ou tendo a companhia de meia dúzia de companheiros, fui sofrendo novas represálias. Nos piores momentos fui arbitrariamente preso duas vezes, sendo que na última (10 FEV 2012) fui jogado ilegalmente em uma solitária da Penitenciária Bangu 1, onde fiquei dias. Se não bastassem tantas perdas, ainda estou sendo submetido a um Processo Administrativo Disciplinar que pode resultar na minha demissão e perda do salário.

Além disso, para lutar contra o poder político, tive que no período expor as mazelas de várias áreas do serviço público, sobretudo da área de segurança, o que fez com que passasse a ser odiado por alguns na Secretaria de Segurança Pública e na própria Polícia Militar, um ônus muito grande para quem era no passado recente considerado amigo por alguns que me trataram como inimigo.  

Todas estas feridas não me fizeram parar, a minha luta só sofreu uma interrupção em 2008, quando adoeci. E, confesso, não me fariam deixar de ser infante, como tenho demonstrado, pois continuo na frente de batalha, o único que continua de peito aberto enfrentando o governo que nos oprime e faria isso sem me candidatar. Todavia, uma situação inesperada que tem se repetido, foi decisiva para que eu optasse pela candidatura.

Prezados leitores e leitoras, as ações contra mim estão eivadas de ilegalidades, isto é fato. Diante disto, fiz o que a cidadania determina, representei nos órgãos públicos, em diversos deles, federais e estaduais, alguns internacionais, narrando as ações contrárias à legislação praticadas contra mim. Para minha surpresa, não tenho conhecimento da instauração de qualquer investigação, apesar das queixas serem instruídas com documentos, filmagens e tendo sido arroladas testemunhas.

O que isso significa?

Contra mim vale tudo, a meu favor eu não posso nem cobrar que a lei seja cumprida.

O quadro que descrevi, em apertadíssima síntese, deixa claro que seu eu continuar lutando como infante e “apenas” como Coronel PM, serei sumariamente demitido.

Insistir em ficar na linha de frente em tais condições seria o que os psicólogos chamam de auto-sabotagem, um suicídio, por assim dizer.

Quero continuar lutando nas ruas, pois só nas ruas podemos defender os nossos interesses e pressionar os governantes para que nos tratem com respeito, nos ofertando salários dignos e adequadas condições de trabalho. Isso está mais do que claro, o pouco que conseguimos foi o resultado da nossa presença nas ruas, nem mais, nem menos.

Policiais Militares, só posso continuar lutando como tenho feito se for eleito. A bola está com vocês. Se querem continuar tendo um Coronel PM lutando nas ruas, nos blogs e nas redes sociais, este Coronel PM precisa ser também Vereador, isso no mínimo, eis a verdade.

Ser eleito Vereador no Rio é difícil, são necessários milhares de votos e como não tenho recursos para arcar com uma campanha milionária, caso decidam pela continuidade da nossa luta, vocês terão que se desdobrar na busca dos votos dentro da Corporação, entre seus familiares e amigos.

Obviamente, caso eu não seja eleito, não vou abrir mão da minha cidadania, continuarei lutando as lutas justas, inclusive as que afetam a nós, Policiais Militares, mas deixarei de ser infante e buscarei outras formas de lutar. Podem ter certeza continuarei lutando com os Policiais Militares e Civis, com os Bombeiros, com o funcionalismo público em geral e com todos e todas que lutam por justiça, como tenho feito até a presente data. Entretanto, terei outra postura, não serei mais uma locomotiva, deixarei esta tarefa para outros, serei passageiro.

Por derradeiro, peço que passem a acompanhar os meus artigos no blog: http://coronelpaul25190.blogspot.com

Na esperança de ter sido claro, coloco-me à disposição para qualquer esclarecimento (78716377 e pauloricardopaul@gmail.com

Juntos Somos Fortes!

CORONEL PAÚL - BLOG - CANDIDATURA

 


Agradeço, mais uma vez, a todos e a todas que estão divulgando a nossa campanha. A luta é muito difícil e a vitória se vier será o fruto do nosso esforço, nós que acreditamos que podemos construir uma nova verdade para a política carioca.
Peço aos leitores (as) que não deixem de visitar o blog sobre a nossa candidatura. Tenho postado nele artigos que não transcrevo neste blog (Link).
Aproveito para informar que posso encaminhar material para divulgação pelos correios, os interessados só precisam encaminhar o endereço para o email: celprpaul@yahoo.com.br
Juntos Somos Fortes!

POLÍCIA FEDERAL, SÉRGIO CABRAL E EDUARDO PAES

Site do jornalista Claudio Humberto:
A FENAPEF é uma instiutuição séria, isso é fato.
A denúncia é gravíssima, a Polícia Federal não pode ser amordaçada.
Penso que o governo federal deve dar todas as explicações que a gravidade do caso determina.
A simples notícia já causa prejuízo aos citados, imaginem o caos e o descrédito que se instalarão caso surjam gravações comprometedoras sobre o prefeito Eduardo Paes, apenas após as eleições.
Urge que o governo fale!
Juntos Somos Fortes!

POLÍCIA MILITAR: A EXONERAÇÃO E A NOMEAÇÃO

 

Prezados leitores, bom dia!
O jornal O Globo noticia neste sábado que o comandante da UPP da Providência, exonerado anteontem, foi reconduzido à função ontem (Link). A exoneração teria sido em decorrência da prisão de policiais que receberiam propina do jogo dos bichos.
A primeira vista a reintegração sinaliza para uma precipitação na exoneração, mas deve ser vista sobretudo como a correção de uma injustiça conforme a visão do comando da Polícia Miitar e corrigir injustiça sempre é uma medida salutar.
Juntos Somos Fortes!