Comunique ao organizador qualquer conteúdo impróprio ou ofensivo

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

JORNALISTAS COMEÇAM A PEDIR DESCULPAS AO FLUMINENSE



Prezados leitores, uma parte significativa da imprensa esportiva fez graves acusações contra o Fluminense quando a Portuguesa salvou o Flamengo do rebaixamento no Brasileirão 2013.
As acusações careciam de qualquer fundamentação, mas elas atingiram em cheio o clube a torcida.
Naquele momento, iniciou-se uma grande mobilização nas redes sociais que contou com a participação do nosso espaço democrático, a qual acabou demonstrando que o grande beneficiário de tudo que ocorreu com a Portuguesa foi o Flamengo e não o Fluminense.
Os fatos, esses chatos!
Apesar dessa verdade cristalina até a presente data lemos e ouvimos na imprensa que o clube salvo foi o Fluminense.
Os jornalistas que insistem nessa tecla ofendem a inteligência mediana de quem os lê ou ouve, tendo em vista que basta uma consulta à classificação oficial do Brasileirão 2013 para comprovar que o Flamengo foi salvo.
Ultimamente, alguns jornalistas têm se desculpado com o Fluminense, como publicamos recentemente, só que eles não estão fazendo isso como devem, eles precisam usar o veículo (televisão, rádio, redes sociais, etc) onde difamaram o Fluminense e consumindo idêntico tempo.
Eis o pedido de desculpas feito de modo correto.
Por derradeiro, aproveitamos para aconselhar aos integrantes da imprensa que ainda não se desculparam que o façam com a devida brevidade, pois a cada dia ficará mais claro que não foi o Fluminense o beneficiado.

Juntos Somos Fortes!

EU VOTO MAJOR BOMBEIRO MARCIO GARCIA (VÍDEO)

Prezados leitores, publicamos vídeo da campanha do Major Bombeiro Militar Marcio Garcia (18193).





Juntos Somos Fortes!

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

"O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013" - ANDRE RIZEK PEDE DESCULPAS AO FLUMINENSE

Prezados leitores, o jornalista Andre Rizek confessa no Twitter que errou ao acusar o Fluminense de ter sido beneficiário no caso do rebaixamento da Portuguesa em 2013.
Parabenizamos o jornalista pelo reconhecimento do erro e solicitamos que use o seu espaço na televisão para repetir o que escreveu no Twitter.




Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

RIO - ELEIÇÃO - HORA DE BATER NO CANDIDATO DO PMDB



Prezados leitores, analisemos duas pesquisas eleitorais sobre a intenção de voto para a prefeitura do Rio de Janeiro, uma do IBOPE e outra do Datafolha, divulgadas com um dia de diferença.
A seguir listamos os percentuais divulgados pelo IBOPE e pelo Datafolha:

- Marcelo Crivella (PRB) - 35% e 29% (diferença de 6 pontos).
- Pedro Paulo (PMDB) - 11% e 11% (resultado idêntico).
- Marcelo Freixo (PSOL) - 9% e 10% (diferença de 1 ponto).
- Indio da Costa (PSD) - 8% e 5% (diferença de 3 pontos).
- Jandira Feghali (PC do B) - 6% e 7% (diferença de 1 ponto).
- Flávio Bolsonaro (PSC) - 6% e 7% (diferença de 1 ponto).
- Osorio (PSDB) - 4%  e 6%  (diferença de 2 pontos).
- Alessandro Molon (Rede) - 1% e 1% (resultado idêntico).
- Carmen Migueles (Novo) - 1% e 1% (resultado idêntico).
- Cyro Garcia (PSTU) - 0% e 1% (diferença de 1 ponto).
- Thelma Bastos (PCO) - 0% e 0% (resultado idêntico).
- Branco/nulo - 16% e  15%  (diferença de 1 ponto).
- Não sabe/não respondeu - 3% e 7% (diferença de 4 pontos).




Os dois institutos informaram margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos.
Experimentem aplicar essa margem de erro (mais ou menos) nos percentuais resultantes da pesquisa.
Só Marcelo Crivela (PRB) tem a sua posição consolidada para participar do segundo turno.
Alessandro Molon (Rede), Carmen Migueles (Novo), Cyro Garcia (PSTU) e Thelma Bastos (PCO) não tem qualquer chance de chegar ao segundo turno.
Os outros podem alcançar o segundo turno aplicando a margem de erro.
Nós não acreditamos nessas pesquisa, como escrevemos em artigos anteriores, mas quem acredita deve multiplicar os esforços para tirar o candidato do PMDB do segundo turno, afinal nada pior para a população do Rio de Janeiro que a continuidade desse grupo liderado pelo ex-governador Sérgio Cabral.

Juntos Somos Fortes!

GOVERNOS DO PMDB PERDE LUTA CONTRA CRIMINALIDADE NO RIO DE JANEIRO


Prezados leitores, o contido nos noticiários comprova de forma concreta que os governos do PMDB perderam a luta contra a criminalidade no Rio de Janeiro.
Os Policiais Militares e os Policiais Civis estão sendo assassinados quase que diariamente.
Os milicianos se fortaleceram.
Os traficantes se fortaleceram.
Os assaltantes se fortaleceram.
A segurança pública foi enfraquecida por erros constantes de gestão e a população sofre com a violência que está presente em todos os lugares e em qualquer horário.
A população sobrevive no Rio de Janeiro, onde uma bala perdida pode destruir os sonhos de uma família, como já ocorreu inúmeras vezes.

Juntos Somos Fortes!

terça-feira, 27 de setembro de 2016

CASO HÉVERTON: TORCEDOR ACUSA GLOBO, CBF E STJD



Prezados leitores, temos recebido e publicado inúmeros comentários de um leitor que usa o nome "CÍRIO SANTOS". 
Os posicionamentos adotados por ele sinalizam que seja um torcedor do Flamengo.
Não concordamos com a maioria de suas opiniões, mas publicamos democraticamente.
Todos sabem que na internet fatos, nomes, fotos, vídeos, ..., podem ser irreais, portanto, o nome utilizado pode ter sido inventado e ele pode ser torcedor de outro clube.
Todavia, não podemos desprezar a possibilidade do comentarista ser uma pessoa real e, caso seja, o senhor "CÍRIO SANTOS" precisa contar o que sabe ao Ministério público de São Paulo, o mais rápido possível.
Leiam um de seus comentários:

"Círio Santos
27 de setembro de 2016 09:42 Sabe como funciona um truque de mágica?? O mágico faz a plateia olhar pra um lado quando na verdade o truque está acontecendo do outro, ninguém recebeu nada isso é informação plantada pra que ninguém olhe pra onde está os culpados,a cbf a globo e o stjd armaram descaradamente pra lusa cair, e criaram essa falsa denúncia pra que ninguem olhasse pra onde a falcatrua aconteceu (sic)".

Será verdade?

No intuito de que a verdade dos fatos seja obtida pelo Ministério Público de São Paulo solicitamos ao senhor "CÍRIO SANTOS" que adote uma das seguintes providências:
1) Compareça ao Ministério Público de sua cidade e se ofereça para prestar informações sobre o fato. Temos certeza que será ouvido a termo, quando poderá fornecer todos os detalhes que conhece, sendo sua declaração encaminhada para o Ministério Público de São Paulo. Nos cumpre alertar que existe a possibilidade de ser intimado para prestar um novo depoimento nos autos do processo, isso em São Paulo, caso persistam dúvidas sobre o que tiver declarado.
2) A sugestão anterior é a mais cômoda, mas pode optar por encaminhar para o nosso e-mail (pauloricardopaul@gmail.com) a sua qualificação (nome, RG e endereço completo) e um resumo sobre o que sabe sobre os fatos. Nós manteremos seus dados em sigilo e o incluiremos na relação das pessoas a serem ouvidas pelo Ministério Público, quando solicitarmos a reabertura das investigações.

Senhor "CÍRIO SANTOS" aguardamos seu posicionamento.

Juntos Somos Fortes!

2a EDIÇÃO DO LIVRO "O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO" - INFORMAÇÕES

Prezados leitores, prestamos alguns esclarecimentos sobre a 2a edição do livro "O Escândalo do Brasileirão 2013 - Como o Flamengo foi salvo do rebaixamento":





Juntos Somos Fortes!

A PORTUGUESA PODERÁ VOLTAR PARA A SÉRIE B



Prezados leitores, a torcida da Portuguesa precisa entrar conosco na luta pela reabertura das investigações do Ministério Público.

"O futuro da Lusa 
26/09/2016 
A Portuguesa vive um impasse. Apesar de uma ala do clube defender que, com o leilão do Canindé programado para dezembro, o clube se retire do futebol profissional, outra quer a permanência do departamento e tenta voltar ano que vem para a Série B. 
O projeto envolve o Audax e também o Oeste de Itápolis, que disputa a segunda divisão com auxílio do time de Osasco. 
Caso o Oeste não caia para a Série C (é o primeiro time fora da zona de degola com quatro pontos à frente do Bragantino), a ideia é o Audax comprá-lo e passar a mandar os jogos em Barueri, usando o nome de Lusa Audax. E atuando com a camisa da Portuguesa. 
As tratativas estão nas mãos de Mario Teixeira, investidor do Audax e ex-executivo do Bradesco. 
Representantes da comunidade lusa no Brasil têm participado das reuniões. 
Além das negociações com o Audax, a Portuguesa quer contar com a ajuda de Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo para emprestar jogadores para formar um elenco melhor para 2017. 
Caso não dê certo o negócio, vai ter que disputar a Série D do Brasileirão e no Paulista a A-2. E pode fechar as portas do futebol, embora alguns insistam que se dedique à categoria de base. 
Rebaixado para a quarta divisão do Brasileiro, o time está em queda livre desde fins de 2013. E as dívidas do clube seguem na casa dos R$ 200 milhões. Uma tragédia (Fonte)". 

Juntos Somos Fortes!

COMUNIDADE LUSO-BRASILEIRA LAMENTA ARQUIVAMENTO CASO HÉVERTON

Prezados leitores, recebemos e transcrevemos artigo publicado no jornal Mundo Lusíada no final do ano passado.



"Conselho da Comunidade lamenta arquivamento do “Caso Héverton” por falta de provas 
Por mundolusiada | 22 dezembro, 2015 as 4:04 pm 
O Conselho da Comunidade Luso-Brasileira de São Paulo divulgou nota de lamento após o Ministério Público paulista arquivar a investigação do “Caso Héverton”, envolvendo a Associação Portuguesa de Desportos. 
O Conselho da Comunidade Luso-Brasileira do Estado de São Paulo, não pode deixar de lamentar, que após tantas alegações e denuncias que projetaram dúvidas e sérias suspeitas contra a entidade e os seus integrantes e dirigentes, de forma incompreensivelmente generalizada, nada de concreto se tenha apurado, o que nos conduz a concluir que a nossa sofrida Lusa foi mesmo vitima do atual estado de coisas que afeta o futebol brasileiro, como um todo, conforme se depreende das frequentes noticias veiculadas em toda a imprensa, inclusive internacional” destaca o órgão. 
Por falta de provas, o Gaeco, grupo do Ministério Público de São Paulo que atua no combate ao crime organizado, arquivou a investigação sobre o caso, após uma escalação irregular de um jogador da Portuguesa no Campeonato Brasileiro de 2013, que resultou no rebaixamento da Lusa. 
Apesar do recolhimento de vários documentos e depoimentos com testemunhas conforme divulgou o Mundo Lusíada, não foi possível exigir o apuramento aprofundado, por exemplo, através da quebra de sigilo bancário de suspeitos. 
Na altura, o promotor Roberto Senise Lisboa, que comandava o inquérito civil, responsável pela investigação do caso, declarou ao Mundo Lusíada que cinco pessoas poderiam estar envolvidas na “negociação” que prejudicou o clube que era apontado pelo promotor como “vítima”
“Acredito e já tenho manifestado várias vezes no sentido de que há indícios no inquérito civil meu de que pessoas dentro da Portuguesa sabiam da escalação irregular do jogador e contribuíram para que essa escalação irregular viesse a existir, e mais do que isso, isso coincidir com um momento extremamente ruim do ponto de vista político interno do clube, onde o presidente do clube Dr. Manuel da Lupa tinha sido destituído de todos os seus poderes para gerenciar financeiramente a Portuguesa” dizia o promotor, na noite em que foi homenageado pela comunidade portuguesa durante sessão solene do 10 de Junho em 2014. 
Após a notícia, Manuel da Lupa Filho escreveu ao Mundo Lusíada defendendo a antiga gestão. “Ninguém tem nada a falar contra a índole e o caráter de um homem sério como o Dr. Manuel da Lupa. Ao invés de falarem das coisas boas feitas pela Gestão 2005 à 2013, algumas pessoas dizem inverdades. Desde o início de 2014, não tem a visão e o objetivo de continuarem um trabalho que foi bem executado em nossa Gestão”. 
Segundo divulgou o portal Globo, o arquivamento pode ser suspenso e o caso reaberto se alguma prova chegar ao Ministério Público (Fonte)". 

Nós estamos lutando para que as investigações sejam reabertas. 

Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

A INEXPLICÁVEL MANUTENÇÃO DO SECRETÁRIO DE SEGURANÇA BELTRAME



Prezados leitores, nós somos críticos ácidos da existência da Secretaria de Segurança Pública (SESEG), um órgão que consideramos desnecessário, que consome recursos financeiros e humanos que seriam muito melhor empregados com uma gestão governamental medianamente competente.
Defendemos a criação da Secretaria de Policiamento Ostensivo e da Secretaria de Polícia Investigativa, as quais usariam os recursos da Polícia Militar e da Polícia Civil, sem aumento de despesas.
Certos ou errados, o fato é que a Secretaria de Segurança existe e temos que conviver com o desperdício do dinheiro público.
Apesar dessa cruel realidade, o fato de termos que suportar a SESEG, não temos que aceitar a inércia do governo diante da explosão da violência que se generalizou por todo o estado do Rio de Janeiro.
O governador tem que cumprir o seu dever para reverter a tragédia que se transformou a vida no Rio de Janeiro.
Nesse sentido consideramos inexplicável a manutenção do Secretário de Segurança Beltrame no exercício da função.
Por maiores que tenham sido nossos esforços não encontramos nenhum motivo que possa justificar o fato do excelentíssimo governador Dornelles não tê-lo exonerado ainda da função.
O que falta acontecer no Rio de Janeiro em termos de insegurança para que o governador faça o que tem que ser feito?
É um mistério a manutenção do Secretário de Segurança.
Um mistério que fica maior a cada dia.

Juntos Somos Fortes!

ELEIÇÃO: CONTRA A CLEPTOCRACIA, EU VOTO MARCIO GARCIA (18193)

Prezados leitores, na luta contra a cleptocracia temos que manter as conquistas concretizadas através da eleição de bons políticos.





Juntos Somos Fortes!

domingo, 25 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - SOLICITAÇÃO - REABERTURA DAS INVESTIGAÇÕES



Prezados leitores, informaremos nesse espaço democrático logo que recebermos as cópias que solicitamos da investigação procedida pelo GAECO do Ministério Público de São Paulo, o que deverá ocorrer nos próximos dias.
Nós analisaremos com todo cuidado o que foi apurado, tendo em vista que para solicitarmos a reabertura das investigações será necessário apresentar fatos novos que justifiquem o desarquivamento e o prosseguimento.
Nesse sentido solicitamos e temos recebido inúmeras contribuições na forma de artigos e vídeos que poderemos utilizar para a consecução do nosso objetivo de esclarecer todos os fatos.
O nosso agradecimento a todos que estão colaborando.
É o juntos somos fortes sendo posto em prática.
No intuito de facilitar a avaliação da nossa solicitação pelo Ministério Público fazemos um novo pedido aos leitores que estão empenhados nessa luta.
Ao encaminharem suas contribuições, por favor, informem:
- Data.
- Identificação do autor do artigo.
- Identificação do autor da postagem nas redes sociais.
- Identificação dos participantes no caso de vídeos.
- Identificação do veículo (programa de televisão ou rádio, jornal, revista, portal, site, blog, ...).
- Link.
- Outros dados julgados úteis.
É imprescindível que o material encaminhado contenha opinião sobre o que teria ocorrido.
Nos confiamos no trabalho do fiscal da lei e temos que fazer a nossa parte fornecendo material de boa qualidade que permita aos ilustríssimos Promotores de Justiça convocar os identificados para prestarem esclarecimentos em razão do que escreveram ou falaram ao longo desses quase três anos.
Nós encaminharemos novamente um exemplar do livro e nos ofereceremos para prestar declarações.
Hoje avaliamos que temos reais condições de obter êxito no pedido para o reinício das investigações.
Nunca desistiremos!

Juntos Somos Fortes!

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - O MAESTRO FOI OUVIDO ?



Prezados leitores, será que o Ministério Público de São Paulo (MP-SP) ouviu o ilustre maestro ?
Nós teremos essa resposta quando recebermos nos próximos dias as cópias das peças que solicitamos da investigação do GAECO do MP-SP.
Ele é torcedor histórico da Portuguesa e conhecedor do clube, salvo melhor juízo, após essa e outras declarações que fez sobre os fatos, ele precisa ser ouvido nos autos.
Alguém discorda? 

Link do vídeo:
https://www.youtube.com/watch?v=f_yT2gBL0xE

Juntos Somos Fortes!

EX-PRESIDENTE LULA PODERÁ SER SEQUESTRADO (?)


Prezados leitores, assistam esse vídeo de poucos segundos.




Juntos Somos Fortes!

sábado, 24 de setembro de 2016

YOUTUBE BLOQUEIA VÍDEO ONDE EDUARDO PAES "ZOMBA" DE MULHER CARENTE



Prezados leitores, o prefeito Eduardo Paes (PMDB) fez uma "zombaria" com conotações sexuais com relação a uma senhora carente quando ela recebia uma casa popular.
O vídeo viralizou nas redes.
Um amigo do Twitter colocou o vídeo no seu canal do Youtube e o vídeo foi bloqueado (imagem).
É a censura mostrando sua face hostil e protegendo político que "zomba" do povo.

Juntos Somos Fortes!

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - "PRÁ CIMA DELES !"

Prezados leitores, como falamos na área de "inteligência", o vídeo a seguir tem o objetivo de "nivelar o conhecimento" sobre o andamento dos fatos. 




Link do vídeo:
https://youtu.be/CxkoqTBvSyM

Juntos Somos Fortes!

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

CORONEL PM PAÚL - AGRADECIMENTOS

2008 - Coronéis Barbonos


Prezados leitores, o ano de 2016 foi o menos produtivo da nossa história de lutas.
Participamos de poucos atos públicos nas ruas do Rio de Janeiro e o foi o que menos escrevemos.
Uma diminuição forçada pelos problemas de saúde que nos fizeram ter uma rotina de emergências hospitalares consultórios, exames, cirurgias e períodos de convalescênça.
Um ciclo que parece estar chegando ao final de forma exitosa.
Logo estaremos em condições de voltar à rotina de lutas em prol da cidadania.
É nosso dever agradecer a todos que estiveram ao nosso lado nesse período de limitações físicas, sobretudo com as orações que tanto nos fortaleceram.
A luta continua!

Juntos Somos Fortes!

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - CÓPIAS DA INVESTIGAÇÃO



Prezados leitores, ontem fomos informados que as cópias que solicitamos de partes da investigação do GAECO do Ministério Público de São Paulo sobre o que denominamos com o escândalo do Brasileirão 2013, foram encaminhadas pelo correio.
Logo que chegarem em nossas mãos faremos uma leitura minuciosa para conhecer os motivos que determinaram o arquivamento dos autos, tendo em vista que o nosso objetivo é apresentar fatos novos que justifiquem a reabertura das investigações.
Nós manteremos os nossos leitores atualizados sobre o progresso na análise.

Juntos Somos Fortes!

PS - Vocês leram essa notícia nos sites esportivos?
Link:

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - E SE A PORTUGUESA NÃO ESCALASSE HEVERTON...

Prezados leitores, um amigo que está engajado na luta pela reabertura das investigações do GAECO do Ministério Público de São Paulo sobre os fatos estranhos que ocorreram na última rodada do Brasileirão 2013 e que culminaram com o não rebaixamento do Flamengo, nos encaminhou pelo Twitter um seguinte vídeo contendo parte de um programa Esporte Interativo:




Juntos Somos Fortes!

POLÍCIA MILITAR - A PRISÃO DISCIPLINAR DE REFORMADOS - A SÚMULA O56 DO STF



Prezados leitores, no dia 9 de maio de 2012, publicamos nesse espaço democrático o artigo "A POLÍCIA MILITAR E AS SÚMULAS DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, CURIOSIDADES" (Link), nele tratamos da incoerência na aplicação ou não de Súmulas do Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito administrativo da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro.
A seguir publicamos um trecho específico sobre a súmula 056:

" A PMERJ não cumpre o mandamento constitucional em face de uma súmula do STF, curiosamente, não age nessa direção quando uma súmula do STF, contraria o previsto no seu regulamento disciplinar. RDPMERJ (1983):
(...)
Art 8º- Estão sujeitos a este regulamento os Policiais Militares na ativa e os na inatividade.
(...)
A súmula 056 (1963) do STF estabelece:
"Militar Reformado - Pena Disciplinar.
Militar reformado não está sujeito a pena disciplinar".
Cabe destacar que a PMERJ cumpriu o preconizado na súmula por muito tempo, mas passou a se valer do parecer 02/99 do Procurador Geral do Estado (PGE) para punir disciplinarmente inativos (reserva remunerada e reformados), inclusive com o licenciamento e a exclusão.
Curioso?
Indo em frente.
A Auditoria de Justiça Militar já fez com que a PMERJ cumprisse a súmula 056: “Bol PM número 079 de 04 de maio de 2005. Paciente: Sd PM Reformado RG (...), da DIP. Comunicação: O MM Sr. DR. Juiz Auditor da AJMERJ comunicou que DEFERIU a liminar para que seja impedida, ou caso já tenha ocorrido, para que cesse a prisão administrativa do paciente, na ação de habeas corpus impetrado pela ilustre Defensoria Pública, em favor do Sd PM Reformado (...), em 30/04/2005”. O STF, como não poderia deixar de ser, faz valer a súmula 056: “Habeas Corpus 75676-0 RJ. Relator: Min. Sepúlveda Pertence. Paciente: Oficial PM Reformado ... Daí, sendo o paciente Oficial reformado da Polícia Militar e não estando convocado ou sujeito a reprimenda disciplinar pelos ditos ofendidos (Súmula 56 do Supremo Tribunal Federal, “o militar reformado não está sujeito a pena disciplinar”), não há nenhuma hipótese em que se possa admitir a prática de um ato de insubordinação por parte daquele” (...).
Curioso ou confuso?
Na época que fui Corregedor Interno, tentei fazer valer a súmula 056 do STF, sobretudo no tocante às penas disciplinares demissionárias, mas não fui competente o suficiente para lograr êxito".

Nós recebemos alguns comentários.
Ontem recebemos um novo:
"Alessandra Mondaini
21 de setembro de 2016 22:09 
O paragrafo 3 da ARTIGO 103A da C.F.B, prevê reclamação ao supremo, quem for de encontro a qualquer súmula do STF, E ANULARÁ os atos dos órgãos, que impugna ou que impugnou as súmulas".

A nossa opinião é no sentido de que não pode ser aplicada pena disciplinar aos Policia Militares reformados, em conformidade com a Súmula 056.

Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRA 2013 - NAÇÃO LUTE PELA REABERTURA DAS INVESTIGAÇÕES



Prezados leitores, desde o final de 2013 nós temos lutado pela investigação ampla, geral e irrestrita sobre os estranhos fatos que ocorreram na última rodada do Brasileirão 2013, quando o Flamengo escalou irregularmente o jogador André Santos no jogo contra o Cruzeiro, isso no sábado dia 7 de dezembro de 2013, o que levou (em todas as instâncias esportivas no Brasil e no exterior) a perda de 4 ponto pontos; quando a imprensa não noticiou o erro do Flamengo que o colocou na relação de possíveis rebaixados (40% de chances) dependo dos resultados dos jogos de domingo e quando a Portuguesa de forma inédita no futebol brasileiro, um dia depois (domingo, dia 8 de dezembro de 2013), repetiu o mesmo erro do Flamengo, escalando um jogador irregular, o que fez o clube paulista perder quatro pontos e salvar o Flamengo do rebaixamento.
Após vencer o Bahia no domingo, o Fluminense obteve o mesmo número de pontos que o Criciúma, mas seria rebaixado por um item do regulamento (menor número de vitórias), isso se já não estivesse salvo pela infração ao mesmo regulamento pratica por parte do Flamengo, o que colocou o Flamengo com menos pontos que o Fluminense, tudo dentro do campo..
O Fluminense para ficar na série A não precisava do erro da Portuguesa.
Fatos, esses chatos!
O primeiro parágrafo só contém fatos comprovados.
A nossa luta pelo esclarecimento dos fatos parecia encaminhado com o encaminhamento das investigações para o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), mas fomos surpreendidos pelo arquivamento dois autos, sem a publicidade necessária, como tem ocorrido nos casos da Operação Lava-Jato, por exemplo.
Não desistiremos do esclarecimento total dos fatos e nesse sentido viajamos até São Paulo, onde tivemos vistas e autos e solicitamos cópias de partes, para uma melhor análise, algo impossível de fazer no local.
Reafirmamos que fomos muito tem tratados no DIPO.
Nossa intenção é reabrir as investigações fornecendo fatos novos, por exemplo, os contidos no livro que não foram investigados, talvez pelo fato do livro não fazer parte dos autos, embora tenha sido encaminhado oportunamente ao ilustríssimo Promotor de Justiça, Dr Roberto Senise Lisboa, encarregado pelo ICP que deu origem a investigação do GAECO. Além desses, outros que não tenham sido abordados nas investigações, como o artigos e entrevistas de jornalistas sobre o fato.
Conclamamos aos torcedores de todos os clubes que ingressem na luta, sobretudo os torcedores do (ordem alfabética) do Flamengo, do Fluminense, do Vasco e da Portuguesa.
Os torcedores da Portuguesa foram os mais prejudicados e não devem se omitir.
Qualquer contribuição que contenha fala de qualquer pessoa sobre o que ocorreu poderá ser encaminhada para esse blog na forma de comentário ou para o e-mail pauloricardopaul@gmail.com
Nós já possuímos material suficiente para solicitar a reabertura, mas quanto maior a quantidade e melhor a qualidade do material, o caso será reaberto com maior facilidade.
Caso seja comprovada qualquer ilegalidade, o nosso desejo é que os responsáveis (e os clubes) sejam punidos com rigor exemplar.
Quem não deve não teme qualquer investigação sobre seus atos.
Não desistiremos.

Juntos Somos Fortes!

terça-feira, 20 de setembro de 2016

CAOS NO RIO: A HERANÇA DESASTROSA DE SÉRGIO CABRAL E SUCESSORES

Prezados leitores, transcrevemos artigo publicado no portal do vereador Major BM Marcio Garcia sobre a crise econômica instalada no Rio de Janeiro:





"Caos no Rio de Janeiro: a herança desastrosa de Cabral e seus fiéis sucessores 
Um estado falido em todos os seus setores da economia. Não precisar ser especialista para chegar a esta conclusão quando o tema é Rio de Janeiro. Nas ruas, nos locais de atendimento público, nos bancos, nos hospitais, nas entidades de ensino, o carioca lamenta a situação de calamidade que está interferindo na sua rotina e gerando doenças físicas e sociais. Uma sociedade mergulhada no caos. 
Ao contrário das justificativas que o governo estadual vem apresentando, a crise não está ancorada na redução dos repasses dos royalties do petróleo, mas foi ocasionada pela má gestão pública e irresponsabilidade do governo do PMDB, aplicou a verba pública em projetos audaciosos e obras que foram prioritárias apenas para os cofres das empresas privadas. 
A farra fiscal chegou ao patamar absurdo de R$ 140 bilhões em isenções para determinadas empresas, enquanto o servidor convive com atrasos salariais e sucateamento dos serviços públicos (Fonte)". 

Juntos Somos Fortes!

EU VOTO MAJOR BM MARCIO GARCIA - TERCEIRO PROGRAMA

Prezados leitores, nós votamos e aconselhamos o voto no Major BM Marcio Garcia (18193).





Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

BRASILEIRÃO: O FLAMENGO TEM MAIS CHANCES DE SER CAMPEÃO?:



Prezados leitores, a disputa está apertada pela liderança do Brasileirão 2016, sobretudo envolvendo o Palmeiras e o Flamengo.
Dias atrás o matemático Tristão Garcia declarou que o Flamengo tem mais chances de ser campeão que o Palmeiras (42% contra 35%).

Longe de duvidarmos dos cálculos matemáticos, resolvemos dar uma olhada nos jogos que faltam tanto para Palmeiras, quanto para o Palmeiras.
Não esquecendo que o Palmeiras tem um ponto a mais e que outros times também estão lutando pelo título.

Nós separamos os jogos que não fazem diferença para a avaliação, tendo em vista que envolvem os mesmos adversários e igual situação de mando de campo:
1) Flamengo e Palmeiras enfrentarão em casa o Coritiba.
2) Flamengo e Palmeiras jogarão em casa contra o Cruzeiro.
3) Flamengo e Palmeiras jogarão fora contra o Atlético Mineiro.
4) Flamengo e Palmeiras enfrentarão fora o América Mineiro.
5) Flamengo e Palmeiras enfrentarão em casa o Botafogo.

Em seguida os jogos com os mesmos adversários, mas com mando de campo invertido.

1) O Flamengo jogará em casa contra o Santa Cruz e jogará fora contra o Internacional.
2) O Palmeiras jogará em casa contra o Internacional e jogará fora contra o Santa Cruz.

Salvo melhor juízo, o Palmeiras leva vantagem, pois saí para o mais fraco e pega o mais forte em casa.

Finalmente, vamos tratar dos jogos que os dois clubes farão contra adversários diferentes:

1) O Flamengo jogará em casa contra Corinthians e Santos.
2) O Palmeiras jogará em casa contra Sport e Chapecoense,

Salvo melhor juízo, os jogos do Palmeiras em casa são mais fáceis. Alguém dúvida?

Prosseguindo...

1) O Flamengo jogará fora de casa contra Fluminense, Atlético-PR e São Paulo.
2) O Palmeiras jogará fora de casa contra Santos, Figueirense e Vitória.

Salvo melhor juízo, a tarefa do Palmeiras é novamente mais fácil (ou menos difícil).

Não duvidamos dos cálculos matemáticos, mas somos obrigados a ter uma opinião contrária.

Não concordamos com aqueles que tentam iludir a torcida do Flamengo, nenhuma torcida pode aceitar ser manipulada pela imprensa.

Juntos Somos Fortes!

VOTO FLÁVIO BOLSONARO E VOTO MAJOR MARCIO GARCIA (18193)



Prezados leitores, não preciso reescrever os inúmeros motivos que me fazem votar no Major Bombeiro Militar Marcio Garcia, um companheiro de lutas contra esse sistema político desde 2007 e que como nós, sofreu, sofre e ainda sofrerá represálias em face da postura adotada.
Nós escolhemos o lado certo e os que estão do lado errado não perdoam.
Voto 18193 com a certeza de estar fazendo o melhor para a população do Rio de Janeiro.
Temos sido questionados sobre em quem votaremos para prefeito.
Respondemos que nossa escolha recai novamente em alguém que esteve conosco nas lutas dos Policiais Militares e dos Bombeiros Militares: o deputado estadual Flávio Bolsonaro (20).

Juntos Somos Fortes!

domingo, 18 de setembro de 2016

BRASILEIRÃO: POR QUE PARTE DA IMPRENSA QUER ACABAR COM PONTOS CORRIDOS ?



Prezados leitores, um campeonato de pontos corridos, todos jogando contra todos, com turno e returno, privilegia o melhor time, isso é inquestionável.
Um campeonato tipo Copa do Brasil, por sua vez, facilita que times inferiores acabem vencedores, sobretudo times que tenham seus estádios como verdadeiros "alçapões", onde são quase invencíveis.
Diante dessas verdades, surge um questionamento:
- Por que parte da imprensa quer promover um retrocesso no Brasileirão?
Alguns que defendem com unhas e dentes esse atraso alegam maior emoção.
Outros afirmam que são mais rentáveis para as empresas de televisão e rádio que transmitem os jogos.
O que salta aos olhos é que considerando a valorização do aspecto técnico nada justifica voltar ao passado. 
Os pontos ocorridos foram implantados em 2003, tendo sido concluídos treze Brasileirões.
Os vencedores em ordem alfabética e considerando o número de conquistas foram:
- Corinthians = 3 (23,07%).
- Cruzeiro = 3 (23,07%).
- São Paulo = 3 (23,07).
- Fluminense = 2 (15,38%).
- Flamengo = 1 (7,69).
- Santos = 1 (7,69%).
Os times de São Paulo ganharam sete (53,84%), os do Rio de Janeiro três (23,07%) e os de Minas Gerais três (23,07%).
Apenas três estados tiveram times campeões. 
Considerando os times de maior investimento no futebol brasileiro, o Atlético Mineiro, o Botafogo,  o Grêmio, o Internacional, o Palmeiras e o Vasco da Gama,  ainda não ganharam.
Considerando os times de maior torcida, o Corinthians está dando uma surra nos outros.
Acreditamos que esses dados, ainda não abordados pela grande imprensa, possam servir de subsídio para que nossos leitores possam formar opinião a respeito do fato de jornalistas renomados defenderem o fim dos pontos corridos no Brasileirão. 

Juntos Somos Fortes!

EU VOTO MAJOR BM MARCIO GARCIA - SEGUNDO PROGRAMA

Prezados leitores, nós votamos e aconselhamos o voto no Major BM Marcio Garcia (18193).




Juntos Somos Fortes!

sábado, 17 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - COMENTÁRIOS - OPINEM



Prezados leitores, transcrevemos comentários recebidos sobre a nossa iniciativa de obter informações sobre as investigações do GAECO do Ministério Público de São Paulo:

1) Sergio
16 de setembro de 2016 15:13 
Muito esperto esse presidente da Portuguesa. Acusa o Fluminense, mas não tem interesse em correr atrás do verdadeiro culpado pela ruína do seu clube. Qualquer pessoa honesta, se vendo prejudicada, vai a fundo pra saber o que aconteceu, pra pedir ressarcimento pelos prejuízos. Mas, como no caso da Suzane Richthofen, em que ela defendia os irmãos Cravinhos; mais tarde se soube que eram todos cúmplices. A Portuguesa é um clube tão pequeno, que todos os diretores se revezam gestão após gestão e são amigos uns dos outros, alguns ligados até por negócios particulares. Sair daí um pedido de investigação, pra ferrar o “patrício”, vai ser difícil. Já a ESPN, não vai querer perder um assunto popular em seus programas esportivos: falar sobre o clube da praia do Pinto. Por isso, não contou ao distinto público que o clube de remo escalou o André Santos de forma irregular e que por isso poderia ser rebaixado naquele estranho fim de semana de dezembro de 2013. 

2) Gilberto Mota
16 de setembro de 2016 16:10 
Coronel Paúl, pra muita gente dentro da Portuguesa é bom o clube acabar, por causa do imóvel da sede, estádio e terreno, super valorizados pela localização. Por isso, não há nenhum interesse em correr atrás de quem meteu o clube nesse buraco sem fim. Tem gente ali adorando o fim da Lusa. 

3) Sergio16 de setembro de 2016 16:00 Muito bom trabalho, Coronel Paúl. Vamos ter finalmente uma visão sobre como foi esse "inquérito". Na Lava-Jato, a imprensa foi convocada e até foi feita uma apresentação em Power Point. No caso Flamenguesa, o MP/SP se fechou e não deu nenhuma informação à opinião pública sobre o que estava acontecendo. Depois que o promotor Senise afirmou com todas as letras que houve corrupção, a próxima notícia foi o arquivamento, dois anos depois. O MP/SP nos tratou como se estivéssemos numa república de bananas. Tenho certeza de que o Sr. e seus colaboradores acharão, além dos crimes dos suspeitos já sabidos, provas de prevaricação do órgão de investigação, começando por não anexar aos autos o livro que o Sr. escreveu, o que me pareceu um absurdo de ineficiência na apuração dos fatos. 

4) Aqipossa Informativo
16 de setembro de 2016 15:03 
O que mais preocupa nisso, não é a Imprensa permanecer acobertando o verdadeiro beneficiado, até porque, ela é a principal envolvida na ordem dada à Portuguesa em 2013, mas sim, o porque dos gestores do Fluminense não cobrarem no mínimo uma reparação a cada vez que se depara com matérias tendenciosas e inequívocas provas do envolvimento da mesma, já que não se trata de culpar apenas o Flu, mas evitar a qualquer custo citar o Flamengo, que no mínimo, deveria ser tratado como "o outro beneficiado". Um abraço, Coronel. Saiba tudo sobre o envolvimento da Imprensa e do Flamengo no caso Flamenguesa.

Nós estamos cumprindo tudo o que prometemos para que todos os fatos "estranhos" sejam devidamente esclarecidos e tenham a publicidade devida, sobretudo a promessa de NÃO DESISTIR. 

Juntos Somos Fortes!

EU VOTO MAJOR BM MARCIO GARCIA - PRIMEIRO PROGRAMA

Prezados leitores, nós votamos e aconselhamos o voto no Major BM Marcio Garcia (18193).




Juntos Somos Fortes!

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - ESPN INSISTE NO ERRO, POR QUÊ ?



Prezados leitores, publicamos comentário recebido que de forma sintética demonstra a necessidade urgente do melhor esclarecimento dos fatos que ocorreram na última rodada do Brasileirão 2013:

"Anônimo
16 de setembro de 2016 11:32
Muito importante que essa história não termine apenas com esse arquivamento. Para a opinião pública em geral (a grande maioria) ficou o Flu como o vilão. Hoje mesmo, na reportagem ESPN sobre a provável queda para a "D" e eventual quebra da Portuguesa, vemos o Fluminense mais uma vez sendo citado como o clube que se salvou em 2013 com o "caso Heverton". Por mais que esteja comprovado que foi o flamengo que se salvou, a imprensa insiste em passar a bola para o Flu (Link)". 

Vamos ao trecho do artigo:

"ESPN Presidente refuta falência da Portuguesa em caso de queda à Série D: 'Não fecha'
Publicado em 16/09/2016, 09:35 /Atualizado em 16/09/2016, 09:48
Gazeta Press
(...)
Questionado se pretende esmiuçar o 'caso Héverton', responsável pela queda da Portuguesa à Série B do Brasileirão, em 2013, Ferreira diz não ser essa a prioridade do clube no momento. Na ocasião, o jogador foi escalado de maneira irregular na última rodada do campeonato - empate sem gols com o Grêmio, no Canindé -, fazendo com que a Lusa fosse punida pelo Superior Tribuna de Justiça Desportiva (STJD) com a perda de quatro pontos, caindo de divisão e livrando o Fluminense do descenso. 
"A Portuguesa foi enterrada após o caso de 2012, do Fluminense. Sinceramente, não estou preocupado com isso agora. Depois de salvar o clube, vamos atrás disso e dos responsáveis", falou (...)". 

Erraram a ESPN e o dirigente da Portuguesa, por quê?
Basta consultar a classificação oficial do Brasileirão 2013 para se constatar, SEM QUALQUER DÚVIDA, que foi o Flamengo que foi salvo. 
Acessem a classificação (Link).
Basta devolver os quatro pontos à Portuguesa para saber que o Flamengo seria o clube rebaixado e isso por ação dentro do campo, afinal André Santos jogou irregularmente, como foi comprovado por tribunais esportivos no Brasil e no exterior.
Por que o dirigente da Portuguesa não considera prioridade do clube no momento esmiuçar o "caso Héverton" se o clube foi enterrado a partir do caso, como declarou?
Isso é controverso.
Será que a Portuguesa não quer mexer no caso?
Nós temos uma posição diametralmente oposta ao dirigente da Portuguesa, queremos "ESMIUÇAR" todo caso, inclusive as investigações do Ministério Público de São Paulo, as quais estão arquivadas no momento, pois tentaremos reabri-las o mais rápido possível.
A ESPN deveria se retratar.
O dirigente da Portuguesa também.
Acusar o Fluminense de ser o beneficiado cheira muito mal e levanta suspeitas diante da verdade dos fatos.

Juntos Somos Fortes!

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

O ESCÂNDALO DO BRASILEIRÃO 2013 - AS INVESTIGAÇÕES DO MINISTÉRIO PÚBLICO



Prezados leitores, comparecemos ao Fórum Criminal da Barra Funda, onde tivemos acesso aos autos da investigação procedida pelo GAECO do Ministério Público de São Paulo, iniciada a partir de um Inquérito Civil Público (ICP).
No momento nos cabe relatar o seguinte para nivelar o conhecimento com todos que estão na luta desde dezembro de 2013 para que todos os fatos sejam devidamente esclarecidos:
1) Destacamos a excelência do tratamento que recebemos de todos os funcionários do DIPO 3.1.1 com os quais mantivemos contato.
2) Ao recebermos os autos constatamos que não eram apenas oito volumes como inicialmente foi informado, sendo esses oito volumes as peças principais, na verdade são mais de 20 volumes, considerando o número de anexos, sendo um anexo composto unicamente por documento encaminhado na época por nós, contendo cerca de cento e cinquenta folhas.
3) Diante da quantidade tivemos que traçar uma estratégia para que o trabalho fosse mais produtivo, tendo em vista que era inviável permanecer dias em São Paulo para ler toda a investigação: resolvemos fazer uma leitura dinâmica escolhendo as páginas para solicitação de cópias, o que permitirá uma leitura pormenorizada. 
4) Assim fizemos e ao término preenchemos a ficha para a solicitação de cópias. 
5) Um amigo de São Paulo, que está conosco desde o começo dessa luta, fará o pagamento no banco existente no Fórum da Barra Funda para a reprodução das cópias e entregará a solicitação no DIPO 3.1.1para que sejam produzidas. Certamente, será estabelecido um prazo para a liberação das cópias, as quais serão encaminhada para nós através do correio.  
6) Estranhamos o fato do nosso livro não constar nos autos. Lembramos que encaminhamos o primeiro exemplar ao ilustríssimo Promotor de Justiça, DR. Roberto Senise Lisboa, quando as investigações ainda estavam sob sua responsabilidade (ICP).
Diante do exposto, aguardaremos a chegada das cópias para promovermos a leitura com a atenção necessária.
Na certeza de que os interessados estão ávidos por informações, solicitamos que tenham um pouco mais de paciência, pois não devemos emitir opiniões apressadas sobre o arquivamento das investigações, considerando que temos que centrar no nosso objetivo, ou seja, avaliar o que foi investigado e, se for o caso, fornecer fato(s) novos(s) que demande a reabertura das investigações.
Nós estamos lutando há quase três anos, demonstramos que somos pacientes e que não desistiremos.

Juntos Somos Fortes!

VEREADOR MAJOR MARCIO GARCIA RESPONDE: "... NÃO NOS VENDEMOS"



Prezados leitores, transcrevemos artigo publicado no portal do Vereador Major BM Marcio Garcia sobre a divulgação das investigações da Polícia Civil sobre denúncia sobre funcionários do seu gabinete:

"Portal do Vereador Major BM Marcio Garcia
Polícia Fazendária: com indiciamentos o PMDB tenta intimidar o nosso mandato 
Como já havíamos previsto, o inquérito "SIGILOSO" instaurado há alguns meses pela “delegacia política” do PMDB foi concluído. A delegada aproveitou que estamos a poucos dias das Eleições para reunir os jornalistas da GLOBO e divulgar os absurdos indiciamentos propostos, com a evidente intenção de descredibilizar um dos poucos mandatos independentes e comprometidos, exclusivamente, com os interesses dos eleitores.
Foram indiciadas as esposas dos bombeiros excluídos no movimento de 2011, nomeadas para trabalhar no meu gabinete (e trabalhavam, prova disso é o crescimento político do mandato que será materializado nesta eleição), acusadas de terem dado dinheiro aos seus maridos. Segundo a delegada, é crime (peculato) a esposa dar dinheiro ao marido. Crime seria proibir que ela ajudasse seu marido, que acabara de perder o cargo e o salário por estar lutando por dignidade e contra o governo mais corrupto da história do Rio de Janeiro. Corrupção esta que agora começa a ganhar a atenção do poder judiciário, mas deixa a cada dia as marcas da má gestão, com um Estado que não consegue nem pagar o salário dos seus servidores e presta um péssimo serviço à população. Porém, nada disso merece a atenção da delegada.
Outro fato que deu causa ao indiciamento de algumas pessoas neste processo que me envolveram foi o abastecimento de veículos particulares com o cartão de combustível. Segundo a delegada, "o Cartão de combustível da Câmara Municipal é para ser usado nos carros oficiais", mas ela esquece de mencionar que os vereadores não têm carros oficiais e que utilizam carros particulares para trabalhar. Uma conclusão lógica: o cartão de combustível existe exatamente para abastecer o carro particular que o parlamentar estiver usando. Como eu moro na Zona Norte, mais exatamente em Pilares, uso frequentemente o metrô, não utilizo totalmente a cota de combustível mensal, o que levou ao acúmulo de quase R$ 15 mil de saldo no cartão, mas é claro que nada disso interessa para a delegada.
Estou ansioso pelo momento em que vou poder me defender e ser julgado. Até o momento não fui sequer ouvido e tomo conhecimento das informações pela capa do Jornal EXTRA ou RJTV. Com o encaminhamento do inquérito ao procurador-geral de Justiça, vou poder extrair cópia do deste documento e, assim, poder dar mais detalhes sobre a investigação.
Ainda não sou réu, não fui denunciado e nem indiciado, mas já fui considerado culpado pelo GLOBO. E você, vai me condenar também? Ou vai procurar saber se o que estou falando é verdade? Vai entrar no meu site e vai avaliar a evolução do meu patrimônio, vai me consultar (21 98198-6559) ou alguém que me conhece pessoalmente?
Enquanto você se decide, posso garantir que vou continuar fazendo oposição aos governos municipal, estadual e federal, todos do PMDB, vou continuar apoiando a CPI das Olimpíadas, vou continuar denunciando as covardias do governo contra os servidores públicos. Seguirei denunciando a péssima prestação de serviços públicos, não vou parar de denunciar os esquemas de corrupção, ou seja, não vou parar de trabalhar. Se a intenção com este processo era me desmotivar, teve o efeito inverso, agora temos certeza de que estamos no caminho certo, estamos incomodando.
Esse é nosso esquema! Não abandonamos ninguém, não desistimos e não nos vendemos (Fonte)".

Juntos Somos Fortes!

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

BRASILEIRÃO 2013 - INVESTIGAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO



Prezados leitores, hoje seguimos para São Paulo com o objetivo de ter vistas aos autos da investigação procedida pelo GAECO sobre os fatos ocorridos no Campeonato Brasileiro de Futebol de 2013, os quais deram origem à instauração de um Inquérito Civil Público (ICP) pelo Ministério Público.
O nosso objetivo desde p início tem sido colaborar para que tudo seja esclarecido e tendo acesso aos autos teremos condições de constatar se conhecemos algum fato não avaliado (fato novo) que possa motivar a reabertura  do inquérito e a continuidade das investigações.

Juntos Somos Fortes!


terça-feira, 13 de setembro de 2016

HOJE: PROTESTO DE PENSIONISTAS DE POLICIAIS E BOMBEIROS NO MINISTÉRIO PÚBLICO



Prezados leitores, ontem circulou pela internet a notícia de que pensionistas de Policiais Militares e de Bombeiros Militares protestarão nessa terça-feira, às 11:00 horas, em frente à sede do Ministério Público do Rio de Janeiro, situada no Centro do Rio de Janeiro.
Nós não poderemos ombrear com elas em razão de compromissos anteriormente agendados, mas apoiamos toda manifestação ordeira e pacífica na luta por direitos.
As pensionistas deveriam ter a PRIORIDADE para o recebimento.
Os motivos são óbvios, a começar pelo fato de receberem menos, sobretudo as pensionistas de Praças.
De forma injustificável, o governo não paga primeiro a elas e paga com prioridade os ativos, isso para não correr o risco de ter que enfrentar paralisações.
O governo mostra a covardia que está contida na sua forma que escolhe a quem pagar e a quem não pagar.
Diante dessa realidade, as pensionistas devem protestar e yodos nos devemos apoiá-las.
Se viver com uma pensão miserável já é uma grande dificuldade, sobretudo para as pensionistas idosas, imaginem viver sem receber as pensões.
Desejamos sucesso e que o protesto faça com que o governo não só efetue o pagamento, mas passe a priorizar o pagamento das pensionistas.

Juntos Somos Fortes!

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

BRASILEIRÃO 2013 - INVESTIGAÇÃO DO GAECO - VISTA AOS AUTOS



Prezados leitores, hoje fomos informados através de ligação telefônica que foi deferida a nossa solicitação de vistas aos autos da investigação procedida pelo GAECO do Ministério Público de São Paulo sobre fatos ocorridos no Campeonato Brasileiro de Futebol de 2013.
Agradecemos ao Exmo Corregedor do DIPO.
Agendaremos para os próximos dias uma viagem até São Paulo para a efetivação da vista e, se for o caso, a solicitação de cópias.

Juntos Somos Fortes!


VIOLÊNCIA NO RIO: GOVERNO E PARTE DA IMPRENSA ENGANARAM A POPULAÇÃO



Prezados leitores, as denominadas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), projeto que reelegeu o governador Sérgio Cabral (PMBD) com o apoio quase que integral da imprensa, são um fracasso gigantesco.
Um conjunto de erros que nos fez denunciar desde 2009 que as UPPs eram insustentáveis, o que hoje é incontestável.
Até a parte da imprensa, antes aliada do governo, se viu obrigada a mudar de opinião.
Nem os confrontos entre facções de traficantes na disputa sangrenta pelo domínio do território, as UPPs conseguem evitar.
A violência se espalhou por todos os cantos do Rio de Janeiro.
Acuada pelo medo a população está sofrendo com os erros na gestão da segurança pública.
Hoje mensagens na internet dão conta do medo instalado e recomendam não circular nas proximidades das comunidades "pacificadas" do Centro:

"Atenção aí rapaziada que mora no Rio Comprido Tijuca e adjacências... ADA tomou essa noite o Turano e a Chacrinha e estão partindo hoje para tomar o Salgueiro... quando a noite cair evitem passar por essas localidades porque o bagulho é sério hein ... colega da UPP Turano disse que tem mais de 30 corpos espalhados pela mata da Raia ... Comando da UPP Salgueiro informou que há enorme concentração de traficantes armados de fuzil na parte das Casinhas acima do campo e que não está sendo possível patrulhar a comunidade... GAT do 6 BPMERJ BOPE e CHOQUE se preparando pra ocupar as 3 comunidades P2 do 4 BPMERJ divulgou informações de que traficantes do Fallet, Fogueteiro e Prazeres planejam a retomada apartir das 17hs (sic)".

A população do Rio de Janeiro foi enganada pelo governo e por parte da imprensa.
Essa gente tem sangue nas mãos.

Juntos Somos Fortes!

domingo, 11 de setembro de 2016

VIATURAS DA POLÍCIA MILITAR - NOTA OFICIAL DA CS BRASIL



Prezados leitores, agradecemos o encaminhamento e publicamos a seguir a nota oficial da CS Brasil sobre o encerramento do contrato com o governo estadual: 

"Bom dia! 
Segue nota oficial da CS Brasil sobre encerramento hoje do contrato com Governo do Estado do Rio de Janeiro e a vistoria completa dos veículos para publicação. 
Obrigada. Abs, Suzane 

A CS Brasil informa que, após 5 anos, se encerra à meia-noite de hoje, 9 de setembro, a vigência do contrato Casa Civil 027/2011, que contemplava a venda, a gestão e a manutenção de uma frota de 1.508 viaturas da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. Vigente desde 10 de setembro de 2011, constata-se que a operação foi bem sucedida uma vez que registrou-se uma disponibilidade de 96% da frota ao longo de todo o período, acima do estabelecido em contrato, que era de 90%. A referida frota operava nas regiões metropolitana do Rio de Janeiro e dos Lagos. 
No início de julho, o contrato 035/2013 da CS Brasil que contemplava a venda, a gestão e a manutenção das 1.555 viaturas das Polícias Civil e Militar do Estado do Rio de Janeiro, também foi encerrado. 
Para fazer frente às exigências estabelecidas no contrato 027/2011, a CS Brasil dispõe de oficinas distribuídas estrategicamente no estado do Rio de Janeiro, que não sofreram qualquer tipo de redução de profissionais ou de desmobilização. Todos os veículos já estão passando por vistoria completa, trabalho realizado por empresa independente, para que sejam entregues ao comando da Polícia do Rio de Janeiro em condições de uso. A partir da conclusão desta fase é que as viaturas passam a ser de responsabilidade do governo estadual. 
Suzane G. Frutuoso 
Gerente de Atendimento". 

Juntos Somos Fortes!

sábado, 10 de setembro de 2016

A FALTA DE TRANSPARÊNCIA NAS INVESTIGAÇÕES DO BRASILEIRÃO 2013



Prezados leitores, a cada fase da extraordinária Operação Lava Jato, os responsáveis pelas investigações e operações convocam entrevistas coletivas onde explicam com detalhes o que foi investigado, as provas encontradas e os resultados das operações.
Os responsáveis respondem inclusive várias perguntas feitas pelos jornalistas em todas as entrevistas.
Isso é transparência, um valor que nenhuma instituição pública ou privada pode prescindir no conjunto dos seus valores basilares.
A frequente demonstração de transparência trouxe uma inquestionável credibilidade para as investigações.
A Operação Lava Jato se constitui em orgulho nacional e está mudando o Brasil para melhor.
Caminho inverso foi adotado pelo Ministério Público de São Paulo com relação às investigações sobre o que denominamos "o escândalo do Brasileirão 2013".
Vale reconhecer que a transparência se fez presente, mas apenas no início das investigações.
Vamos voltar no tempo para que todos os leitores, conhecedores ou não dos fatos, possam entender a nossa indicação de falta de transparência.
Ao tomar conhecimento que a Portuguesa perderia quatro pontos no Campeonato Brasileiro de Futebol de 2013, o que provocaria o seu rebaixamento para a série B no lugar do Flamengo, clube também punido com a perda de quatro pontos, o ilustríssimo promotor de justiça Roberto Senise Lisboa instaurou um  Inquérito Civil Público (ICP), baseado no Estatuto do Torcedor, no intuito de que fossem restituídos os pontos à Portuguesa.
A imprensa deu grande publicidade ao fato e com frequência entrevistou o promotor.
Em dado momento o promotor declarou que estava encaminhando os autos do ICP para o Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público de São Paulo, em razão de ter encontrado indícios da prática de crimes por parte de funcionários da Portuguesa, os quais teriam recebido vantagem para que o jogador Héverton fosse escalado de forma irregular.
Tudo fartamente divulgado pela imprensa.
A transparência acabou aqui.
Os promotores do GAECO não comentaram as investigações e a imprensa foi colocando o assunto no fundo das gavetas das redações.
Nós e outros torcedores passamos a trocar e-mails com o GAECO para obtermos informações e as respostas foram sempre no sentido que as investigações estavam em andamento.
Sem alarde, as investigações foram concluídas e encaminhadas para arquivamento no DIPO.
Não foi convocada uma entrevista coletiva para explicar o que tinha sido apurado, quem tinha sido ouvido, quais indícios foram confirmados ou não e o motivo do arquivamento.
Assim os autos foram discretamente colocados em uma prateleira do Departamento de Inquéritos Policiais e Polícia (DIPO) e a transparência foi ferida de morte.
Como nos comprometemos a não desistir, encaminhamos duas correspondências registradas para o DIPO solicitando esclarecimentos de como obter cópia das investigações ou pelo menos como ter vistas aos autos.
O tempo passou, passou e passou.
Não obtivemos nenhuma resposta.
O silêncio se mantém e a transparência ganhando a cada dia mais opacidade.
Lamentamos que os ilustríssimos promotores do GAECO de São Paulo não tenham se inspirado nos ilustríssimos Procuradores e Delegados da Lava Jato, mas isso não nos fará desistir.
Em consequência do exposto:
1) Solicitamos aos Presidentes do Flamengo, Fluminense e Portuguesa, clubes que foram envolvidos nos acontecimentos, que através dos seus departamentos jurídicos cobrem cópias das investigações e convoquem uma entrevista coletiva para restabelecer a transparência, revelando o que foi investigado.
2) Como não acreditamos que os presidentes dos clubes se movam, solicitamos aos advogados que amam o futebol e que residam em São Paulo que desenvolvam as medidas necessárias para a obtenção das cópias e, em seguida, divulgarem os resultados publicamente para dar a transparência que o caso exige.
Nós temos todos os dados necessários para ser feita a solicitação, as quais poderão ser obtidas encaminhando e-mail para pauloricardopaul@gmail.com
3) Se nenhum advogado proceder conforme solicitado, nós teremos que gastar dinheiro para viajar até São Paulo e para constituirmos um advogado para garantir os nossos direitos de cidadãos, de torcedores e de consumidores.
Por derradeiro, ratificamos que não desistiremos e que se for indispensável procederemos como contido no item 3, o que não fizemos até a presente data por motivos de saúde, os quais deverão estar equacionados até o final desse mês, após a recuperação de uma nova cirurgia a que seremos submetidos.

Juntos Somos Fortes!