BLOG DO CORONEL PAÚL

JORNALISMO INVESTIGATIVO E INDEPENDENTE.

LIVROS

Prezado leitor, caso esteja interessado em obter informações sobre os livros publicados pelo Coronel Paúl, encaminhe e-mail para pauloricardopaul@gmail.com

sábado, 8 de abril de 2017

A POSSIBILIDADE DE INTERVENÇÃO FEDERAL NO RIO DEJANEIRO

deputado Jorge Picciani e ex-governador Sérgio Cabral


Prezados leitores, o investigado presidente da ALERJ, Jorge Picciani, afirmou em entrevista que se o socorro financeiro não chegar logo do governo federal, deverá ocorrer uma intervenção federal no Rio de Janeiro.
O fato é que com intervenção ou sem intervenção, a população do Rio de Janeiro não aguenta mais ter que pagar a conta dos rombos provocados pelos governantes, assim como, os militares (bombeiros e policiais) e os servidores públicos precisam receber em dia seus pagamentos, inclusive do 13o salário.
A situação é caótica e precisa ser solucionada o mais rápido possível, com intervenção ou sem intervenção, com impeachment ou sem impeachment.

"Site G1
Picciani diz que, se socorro não for aprovado, 'única saída' será intervenção federal no RJ
Ele espera que medidas de recuperação fiscal sejam aprovadas nos próximos 15 dias. Pezão diz que ele só reproduziu o que deputado falou no Congresso. 
Por RJTV
07/04/2017 13h13 Atualizado há 15 horas 
Em m entrevista ao jornalista Fernando Molica, da rádio CBN, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Jorge Picciani, falou sobre a urgência de se aprovar o projeto de socorro aos estados no Congresso. O deputado disse, que se isso não acontecer nos próximos 15 dias, haverá necessidade de intervenção federal.
“Se o pacote de medidas para o Rio de Janeiro não for aprovado, a única saída será uma intervenção federal”, disse Picciani, lembrando que a Alerj já aprovou cinco das 11 medidas do pacote, mas que as questões mais delicadas, como a previdência e a suspensão de novos concursos para servidores ainda não foram aprovadas (Leiam mais)". 

Juntos Somos Fortes!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Exerça a sua liberdade de expressão com consciência. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog.